• Fernanda Oliveira

Desvios posturais em crianças e adolescentes – Como tratar

Atualizado: 10 de Ago de 2020



Senta direito, você está muito torto! Arruma a coluna! Não deita assim! Essas e outras frases são repetidas muitas vezes pelos pais quando observam que seus filhos não estão com uma postura muito boa.

Essa má postura pode ser observada no dia-a-dia, no modo de ficar em pé, andar, sentar, deitar no sofá, mexer no celular e no computador, dentre outras.

As crianças e adolescentes, por sua vez, acham que seus pais estão “exagerando”.

Mas será um exagero ou uma preocupação real?

Em geral os pais conhecem bem seus filhos e são capazes de perceber alguma alteração física, o que é diferente de simplesmente adotar uma postura relaxada. Mas, na dúvida, o melhor é consultar um profissional da saúde.

Um fisioterapeuta especializado em ortopedia e em especial em desvios da coluna está apto a avaliar, diagnosticar e tratar os desvios posturais.

Os problemas posturais em crianças e adolescentes são uma preocupação real. Um desvio pode e deve ser tratado precocemente, pois tende a piorar e gerar alguns problemas no futuro.

O que isso significa?

O que acontece na verdade é um desvio lateral da coluna para direita ou esquerda, tornando o formato da coluna em “C” ou em “S”, conhecido como escoliose.

A partir dos dez anos de idade é quando há maior chance de desenvolver escoliose (denominada como escoliose infantil ou juvenil), devido ao início do estirão do crescimento.

Há um crescimento ósseo que pode ocorrer muito rápido. Alguns adolescentes queixam de “dores do crescimento”, que são sensações incômodas de tensões musculares, quando os músculos ficam rígidos, “duros”.

Quando há um desequilíbrio dos músculos da coluna, principalmente dos responsáveis pelo equilíbrio, ocorre um agravamento das curvas nos períodos de crescimento.

Durante a puberdade o risco de uma curva mais acentuada aumenta, pois nessa fase o ritmo de crescimento do corpo é mais rápido.

Fatores de risco:

  • Idade: Os sinais e sintomas geralmente começam a partir dos 10 anos.

  • Sexo: Embora ambos os sexos possam ser afetados, as meninas possuem um risco muito maior de desenvolver curvaturas anormais na coluna.

  • Histórico familiar. A escoliose é mais comum entre membros de uma mesma família que possua antecedentes da deformidade.

Sintomas:

  • Ombros ou quadris assimétricos, ou seja, um lado mais alto que o outro;

  • Coluna vertebral curvada anormalmente para um dos lados;

  • Desconforto muscular relacionado a pontos de tensão, em alguns casos.

Em geral a criança ou adolescente não reclama de dor alguma, exceto em casos mais graves.

A escoliose se não tratada pode causar:

  • Alterações no aparelho respiratório;

  • Aparecimento precoce de processos degenerativos na coluna;

  • Repercussões estéticas. Como não ter uma boa imagem corporal;

  • Repercussões sociais e psicológicas negativas. Devido a própria imagem a criança ou adolescente pode apresentar baixa autoestima e assim não querer ter convívio social.

Tratamento

Para que não piore o quadro é importante realizar um tratamento o mais cedo possível.

O RPG (Reeducação Postural Global) é um método da fisioterapia aprovado e reconhecido pelo Conselho Federal de Fisioterapia – COFFITO. O RPG é um método testado cientificamente e em inúmeros casos pelo mundo todo, desde 1981, quando foi criado.

Esse método auxilia na melhora da postura corrigindo alterações e compensações posturais.

O RPG é um método totalmente seguro para tratamento de crianças e adolescentes, pois não interfere no crescimento.

Como é realizado?

O primeiro passo é marcar uma consulta fisioterapêutica.

Nessa consulta é realizada uma avaliação para verificar a postura. Se há um desvio anormal e qual o grau.

É verificado se a coluna está muito curvada e/ou desviada para um dos lados, se um ombro está mais alto do que o outro e/ou deslocado para frente, se há encurtamentos musculares e em casos mais graves se há dor.

Depois da avaliação são realizadas sessões individuais de 40 a 50 minutos de 1 ou 2 vezes na semana dependendo de cada caso.

Como é realizado o trabalho de RPG em crianças e adolescentes?

O plano de tratamento é feito de forma individual, pois cada pessoa é única e apresenta características próprias, mas abaixo cito dois exemplos para ilustrar a forma como o RPG atua:

Caso 1

Um paciente com 12 anos não apresenta queixas de dor. Apresenta o pescoço rígido “duro”, postura curvada com um excesso de curva no pescoço e na lombar (região baixa da coluna), ombros para frente e o esquerdo mais alto que o direito, quadril esquerdo mais alto que o direito.

Com esses sintomas, o Fisioterapeuta realiza um tratamento de Reeducação postural, alongando os músculos, principalmente da cervical (trapézio superior, esternocleidomastoideo) e manobras manuais para relaxar a musculatura e não permanecer rígida.

É realizado um trabalho de alongamento de toda musculatura da coluna nas posições deitada, sentada e em pé dentro do que o paciente suporta.

Esse trabalho é realizado juntamente com a respiração no qual realiza uma inspiração (puxa o ar) e logo depois uma expiração (solta o ar). Ao realizar a expiração trabalha músculos respiratórios do tórax e da coluna.

Esse trabalho de reeducação postural é realizado para não agravar o quadro de escoliose, melhorar a imagem corporal e ter uma postura o mais correta possível.

Caso 2:

Um paciente com 15 anos não apresenta queixas de dor. Apresenta uma postura cifótica, ou seja pescoço, ombros e coluna curvados para frente e escoliose à esquerda. Não apresenta tensão muscular.

Com esses sintomas o Fisioterapeuta realiza um trabalho de Reeducação postural alongando toda musculatura da coluna e ombros principalmente os músculos (peitorais, romboides , serrátil anterior, paravertebrais, grande dorsal).

É realizado um trabalho com toda a musculatura da coluna. O método RPG adota posições de alongamento, deitado, sentado e em pé, atingindo o máximo suportado pelo paciente. Ao mesmo tempo em que é realizado o alongamento, procura-se ganhar força da musculatura e assim conseguir manter-se na posição correta.

Esse trabalho é realizado juntamente com a respiração, trabalhando assim os músculos do tórax e da coluna conjuntamente.

O RPG irá proporcionar:

  • Melhora da postura e equilíbrio;

  • Alívio de tensões musculares;

  • Melhora da imagem corporal.

O RPG (Reeducação Postural Global) auxilia na melhora da postura corrigindo alterações e compensações posturais.

O RPG é um método totalmente seguro para tratamento de crianças e adolescentes, pois não interfere no crescimento.



Fernanda Oliveira

Fisioterapeuta em Belo Horizonte

Conheça mais sobre o meu trabalho

IR PARA O SITE


ME SIGA NO INSTAGRAM

#desviosposturaisemcriançaseadolescentes #desviosposturais #fisioterapiaortopédica #RPGparacriançaseadolescentes

131 visualizações

Rua Matias Cardoso, 63 sala 1401

Santo Agostinho- BH -  MG